Gestão de custos em obras: 5 dicas para você economizar

Gestão de custos em obras: 5 dicas para você economizar

Quem atua no mercado de construção civil sabe o quanto os custos de uma obra são importantes.

Afinal, ao fechar negócio com o cliente, é preciso analisar cada etapa da empreitada de acordo com suas necessidades e objetivos, baseando-se pelo orçamento definido entre a construtora e cliente.

É aí que o gestor de custos em obras entra em ação para garantir que estas cifras sejam mantidas até a data de entrega do produto.

Além de manter os custos sob controle, é função do gestor de obras oferecer um padrão de qualidade, cumprimentos de prazos e apresentar soluções durante imprevistos.

Estes são alguns principais fatores levados em consideração pelo cliente ao investir no mercado de construção civil. Com uma gestão bem estruturada, a construtora ganha notoriedade no mercado.

Se você está a procura de soluções práticas para melhorar a qualidade da gestão da empresa, este artigo com certeza irá te ajudar!

Continue a leitura e veja 5 dicas de como manter em ordem a gestão de custos de obras agora mesmo!

Como conquistar uma gestão de custos econômica?

Para obter sucesso em qualquer projeto, é preciso haver um planejamento bem feito e com objetivos definidos.

Na construção civil, o planejamento da obra deve discutir, de forma adequada, os seguintes aspectos:

  • A execução do trabalho;
  • Redução de riscos;
  • Desperdícios de insumos;
  • Controle de materiais;
  • Utilização ferramentas de boa qualidade e alta performance.

Dessa forma, a empresa estará preparada para possíveis imprevistos que possam intervir negativamente no andamento do projeto.

Com um gerenciamento bem estruturado, é possível adaptar os serviços da empresa de acordo com a necessidade e objetivos estabelecidos durante o planejamento.

Se tempo é dinheiro, na construção civil agilidade deve ser sinônimo de qualidade.

Por isso, certifique-se de estar com uma boa equipe profissionais especializados na área, e com suas funções bem claras.

Esses detalhes irão se refletir na qualidade do produto e serviço entregues.

Para manter um bom desempenho dos funcionários, os indicadores de performance são um recurso interessante para avaliar o progresso da construção.

Nesse contexto, todas as etapas da obra devem ser monitoradas, garantindo um bom desempenho da sua equipe e satisfação do cliente.

O que você pode fazer para garantir uma gestão eficiente de custos?

1 – Terceirize serviços

Logística, transporte de cargas e manutenção de máquinas são alguns serviços que a empreiteira pode terceirizar para ajudar a manter a obra e os gastos sob controle.  Atrasos no trabalho ou local insalubre onde há riscos de vida, podem aumentar os custos consideravelmente.

Neste contexto, contratar empresas especializadas é uma boa alternativa para inibir ameaças ao seu projeto, bem como otimizar seu tempo, que será dedicado à outras funções mais importantes e urgentes.

2 – Escolha equipamentos de boa qualidade

Ainda no planejamento, o gestor pode considerar  investir na aquisição de maquinário ou opta por contratar alguma empresa especializada em aluguel destes equipamentos.

Essa decisão deve levar em consideração fatores como localização, dimensão e, claro, os custos pré-estabelecidos para não ultrapassar o orçamento inicial.

3 – Utilize a tecnologia a seu favor

Diversas ferramentas e recursos tecnológicos estão disponíveis no mercado para otimização do tempo. Por que não usá-las na construção civil?

Essas ferramentas de gerenciamento serão úteis para registrar e reunir informações sobre cada etapa da obra para posteriormente serem analisadas.

4 – Calcule a quantidade de material à ser utilizada

Se foi identificado algum problema relacionado aos custos de compra de material ou houve excesso de recursos que veio a encarecer a obra, incorpore as etapas técnicas da obra com a gestão.

Articule em conjunto com a equipe medidas viáveis para reduzir custos, certificando-se de que o resultado final será satisfatório e livre de empecilhos.

E, mais uma vez, um planejamento bem elaborado deixa sua empresa preparada para possíveis imprevistos.

5 – Defina metas e ganhe maior produtividade

O gestor de obras pode e deve estabelecer medidas individuais e coletivas a fim de garantir fluidez no serviço.

Estabeleça uma boa comunicação com sua equipe e determine as responsabilidades respectivas às funções de cada um.

Com as ocupações previamente estabelecidas, sua equipe se tornará mais ágil, produtiva e motivada, empenhando-se em entregar os melhores resultados.

E então? Esse artigo foi útil pra você? Esperamos ter conseguido tirar todas as suas dúvidas. Deixe seu comentário em nosso blog e nos diga o que achou.

Compartilhar este post

Fique por dentro das nossas novidades. Assine nossa newsletter.