Falha catastrófica: como ela pode impactar sua produção

Falha catastrófica: como ela pode impactar sua produção

Sabemos que, quando o assunto é produtividade, tempo é dinheiro, e máquinas paradas são o pesadelo de qualquer gestor ou operador.

A falha catastrófica é uma consequência de pequenos problemas decorrentes da má utilização de máquinas, gerando desgastes perigosos para a produção.

É importante que as empresas estejam preparadas para evitá-la, pois os danos causados por uma falha catastrófica incidem em prejuízos expressivos.

Como evitar?

Realizar uma manutenção periódica (preventiva, preditiva, proativa ou corretiva) nos equipamentos que sua empresa utiliza para manter os negócios a pleno vapor e cumprir os prazos de entrega, é fundamental para evitar falhas em componentes mecânicos de equipamentos móveis.

Para garantir o bom funcionamento das máquinas, além da manutenção, é necessário também, verificar a correta execução do trabalho e utilização dos equipamentos.

Conheça os 6 principais pontos a serem observados durante a manutenção de equipamentos pesados.

  • Plano de manutenção – A determinação do tipo de manutenção (preventiva, preditiva, proativa ou corretiva) a ser desenvolvida na máquina, ajuda a controlar os custos e melhorar o seu desempenho.
  • Acompanhamento no serviço de pós-manutenção – A pós-manutenção deve ser acompanhada, garantindo a qualidade do serviço executado.
  • Detalhamento sobre o trabalho executado – Toda manutenção deve conter um relatório completo, detalhando o serviço executado no equipamento, a fim de sanar transtornos futuros.
  • Avaliação do nível de eficiência da máquina após o processo de manutenção – Após o processo executado, é importante avaliar a performance do equipamento, observando o empenho dispensado na obtenção dos resultados esperados.
  • Período entre reparos do equipamento – Verificar se o processo de manutenção está sendo executado dentro dos padrões de qualidade, observando o tempo de reparo entre um e outro, pode definir se a manutenção de máquinas foi bem realizada.
  • Peças Genuínas – Certifique-se de que foram usadas peças genuínas em seu maquinário, evitando as conhecidas “gambiarras”, provenientes da utilização de produtos paralelos, para a redução de custos com a manutenção. As peças genuínas possuem garantia de fábrica contra qualquer tipo de defeito e prolongam a vida de seu equipamento.

O certo é que muitas empresas têm buscado novas formas de manutenção, eliminando a raiz de problemas causadores de falhas catastróficas.

Para isso, utilizam evidências detectadas, como ponto de partida para o saneamento de contratempos futuros, que impactarão em todo o processo.

Quer saber mais sobre manutenção em máquinas pesadas? Mande-nos uma mensagem e conte com nosso time de especialistas para ajudar você.

Compartilhar este post

Fique por dentro das nossas novidades. Assine nossa newsletter.