Blog

Agricultura 4.0: a revolução tecnológica chegou ao campo. Saiba mais

A agricultura mundial encara grandes desafios, entre os quais se destacam o aumento da população do planeta, a crescente escassez de recursos naturais, as alterações climáticas e o grande desperdício de alimentos. 

Diante de tais desafios, a tecnologia no campo tem papel fundamental e vem provocando grandes avanços. Já ouviu falar em Agricultura 4.0? Vamos falar sobre o assunto neste artigo!

 

O que é agricultura 4.0

Em 2018, na Cúpula do Governo Mundial (World Government Summit), evento anual que acontece em Dubai, nos Emirados Árabes, foi lançado o relatório “Agriculture 4.0: the future of farming technology”.  

O documento usa o termo “agricultura 4.0” para falar do emprego de novas tecnologias no setor agrícola. Ela alia agricultura de precisão, Internet das Coisas e o uso de dados, visando aumentar a eficiência, a produtividade no campo e a diminuição de gastos, reduzindo o desperdício.

 

Os impactos positivos da agricultura 4.0

A tecnologia de ponta aplicada à agricultura traz benefícios sob vários aspectos. Vejamos alguns exemplos:

 

Mecanização mais sofisticada 

A tecnologia propicia a sofisticação do maquinário agrícola. Tratores, adubadoras, semeadoras, pulverizadores, colheitadeiras e outras máquinas estão mais ágeis e eficientes. Conectadas a sistemas digitais, elas otimizam o trabalho no campo, aumentando a produtividade e evitando desperdícios. 

 

Plantas geneticamente modificadas

Os avanços na área da biotecnologia contribuem para o cultivo de plantas resistentes e  tolerantes a alguns herbicidas. Assim, a planta não é afetada pela aplicação do produto, que só atinge as ervas daninhas. 

A modificação genética também torna a planta mais resistente a insetos, o que permite a redução do uso de defensivos agrícolas.

 

Adubação mais eficiente

A tecnologia no campo leva a um mapeamento de solo mais eficiente. Depois da  identificação de áreas pobres em elementos nutritivos, é possível corrigir o solo, otimizando a adubação.

A análise de amostras do solo determina o tipo de correção e fertilização adequados para cada área a ser plantada.

 

Previsão meteorológica mais precisa

Todas as etapas do trabalho no campo, desde o preparo do solo, passando pela semeadura e a irrigação, até chegar ao momento da colheita, estão sujeitas às condições do tempo.

A tecnologia permite maior precisão na coleta e análise de dados meteorológicos, que servirão de base às tomadas de decisão no campo. 

 

Novos equipamentos de suporte

Uma novidade que tem se espalhado no meio rural são os drones. Operados remotamente, eles fazem um mapeamento fotográfico preciso de grandes áreas. A partir de tal mapeamento, pode-se detectar problemas, como pragas, doenças,  irrigação deficiente e outros. 

Dispositivos de GPS e sensores conectados ao maquinário, além de aplicativos e softwares direcionados à agricultura são outros dos muitos recursos tecnológicos que chegaram para favorecer o agronegócio.

 

Comunicação mais facilitada

A internet na área rural propicia a comunicação entre os pares e entre todos os setores envolvidos no agronegócio. A antiga figura do produtor rural isolado em sua fazenda faz parte do passado. Hoje, as redes de relacionamento levam ao diálogo, à troca de ideias e à cooperação no setor de agronegócio.

 

Os novos desafios no campo

A revolução tecnológica na agricultura impõe novos desafios. Agora, é necessário ampliar a cobertura da internet na zona rural, para que os avanços e inovações alcancem também o pequeno produtor agrícola.

As máquinas computadorizadas, bem como os novos aparelhos e softwares aplicados à produção no campo, exigem, também, uma qualificação diferenciada para o pessoal que vai operar tais equipamentos. 

Ao mesmo tempo, é preciso encontrar meios de incentivar uma maior participação de jovens e mulheres no setor de produção de alimentos. Os avanços tecnológicos e as inovações no campo podem atuar como este elemento de atração. 

 

A agricultura 4.0 veio para favorecer todas as etapas envolvidas na produção rural, desde o melhoramento da semente até a logística de transporte do alimento até a mesa do consumidor. 

A tecnologia chegou ao campo para ficar. Você conhece outras novidades tecnológicas aplicadas ao setor de produção de alimentos? Deixe seus comentários no post!

Posts relacionados