Como organizar o material de construção?

Como organizar o material de construção?

Quem atua no ramo da construção civil sabe a importância que é trabalhar com produtos de qualidade. Afinal de contas, o tipo de material utilizado influencia diretamente no resultado das obras, fortalece o nome da empresa no mercado e ganha maior confiança no relacionamento com os novos e futuros clientes.

Mas, para que essa estratégia funcione, é preciso pensar no modo eficiente quanto ao armazenamento do material de construção.

Tal processo é indispensável pois vai otimizar o tempo de busca dos funcionários no estoque, além de ajudar a manter um controle mais assertivo quanto aos uso e a compra dos materiais com os fornecedores. Manter uma rotina de organização do estoque garante ainda maior produtividade e reduz os riscos de extravios e perdas de material.

Hoje, vamos te apresentar algumas dicas infalíveis de como organizar o material de construção além de ferramentas úteis que podem te auxiliar nesse processo!

Como fazer um controle de estoque eficiente?

Existem materiais de construção que são essenciais para qualquer tipo de obra e, por isso, o modo como serão organizados precisa ser bem pensada.

Afinal, a probabilidade de reaproveitamento e reposição contínua destes produtos é bastante alta, e para garantir que o processo ocorra de forma produtiva e econômica, encontrar uma forma eficiente de organizar o material de construção ajuda também a cumprir os planos previstos no planejamento e orçamento da obra.

Seja para lojas especializadas em materiais de construção ou depósito de construtoras, o controle do estoque pode ser feito de cinco modos diferentes. Vai depender do objetivo e necessidade do momento.

Essas estratégias, quando bem aplicadas, facilitam e muito a gestão do responsável pelo controle de materiais de construção. Conheça melhor abaixo cada um deles:

Permanente

É o controle sobre os produtos vendidos e/ou comprados ao longo do dia. Atenção redobrada para os dias em que houve aumento no número de vendas, pois um erro mínimo neste cálculo pode causar erros graves que afetem diretamente o controle do estoque e orçamento previsto para as compras.

Inventário

O inventário serve para identificar se o controle permanente vem sendo feito de forma correta e, caso aconteça, possa ser corrigido rapidamente, evitando assim compras desnecessárias ou que falte algum item importante antes de realizar um novo pedido.

Mínimo

Aqui, é separado uma porcentagem do estoque do controle principal com o objetivo de ter uma reserva de produtos para melhor atender aos clientes caso falte algum material no estoque principal. Isso vai otimizar o tempo de solicitação de nova remessa com os fornecedores.

Renovação Periódica

É a permanência de determinado produto no estoque. Esse modelo vai ajudar a entender melhor qual é o período médio para realizar novas encomendas com os fornecedores. Assim, fica mais fácil avaliar se há recursos suficientes disponíveis para novas compras quando houver necessidade.

Finalidade Específica

Como o nome sugere, destina-se a atender uma demanda específica, como construção de condomínio, ampliação e reforma. Esse método também é aplicado para queima de estoque do depósito de lojas de materiais de construção.

Veja agora os principais pontos que precisam ser analisados na hora de organizar o estoque de materiais de construção!

A escolha do espaço físico onde serão armazenados os materiais de construção deve ser feita com cautela. O local deve ser amplo e arejado para manter todos os produtos em bom estado de conservação, além de separá-los por categoria e demanda específica de modo que facilite o acesso dos funcionários na hora de retirar ou repor algum item no estoque, otimizando, assim, o atendimento aos clientes e evolução da obra.

É importante observar também como estes materiais serão dispostos: em caixas organizadoras, prateleiras, armários, entre outros. Uma dica é ter à disposição uma máquina empilhadeira (utilizada no transporte de cargas de tamanhos variados) no depósito para auxiliar o processo de organização destes produtos.

Outro ponto relevante é em relação às compras em excesso dos materiais. Antes de contatar o fornecedor, é importante avaliar qual ou quais são as maiores necessidades naquele momento para a loja ou construtora, pois o acúmulo de materiais e ferramentas sem uso pode prejudicar suas propriedades químicas e físicas, como também seu desempenho.

Manter o local limpo é obrigatório para uma boa organização do estoque. São diversos tipos de materiais de texturas, formatos e finalidades distintas, portanto, na hora de armazená-los, esses detalhes precisam ser avaliados.

Ferramentas e máquinas de médio e grande porte precisam estar guardadas em um espaço específico e longe do contato com umidade e substâncias corrosivas que possam prejudicar sua estrutura e funcionamento, assim como tintas, cimentos, concreto e outros insumos.

E para manter tudo isso em ordem, o gestor responsável pelo estoque pode munir-se de aplicativos e softwares voltadas para controle e gestão. Estes programas vão facilitar o entendimento acerca das atividades relativas à loja ou construção, e de quebra, o acesso aos dados referentes ao estoque de forma mais simples e ágil por todos os colaboradores autorizados.

O Excel é até hoje a ferramenta mais tradicional para este tipo de atividade. Fácil de usar, basta preencher a planilha com os dados gerais e organizá-los em forma de tabela para efetuar os cálculos.

O Excel faz parte do Pacote Office e está disponível para compra no site da Microsoft ou em lojas de informática. Também há uma versão gratuita desta planilha no Google na seção Documentos Google.

Outro programa muito utilizado no ramo é o aplicativo criado pela Sienge, que integra os processos de planejamento, comercial, contabilidade e a compra de materiais.

Os dados inseridos no software ficam armazenados em nuvem. Desse modo, tais informações poderão ser acessadas em qualquer momento e lugar, e pode ser compartilhado com os demais gestores responsáveis pelo estoque ou obra.

Com essas dicas, organizar o depósito de material de construção de lojas ou construtoras não será nada trabalhoso!

Conheça seu público-alvo e seu comportamento. Dessa forma, vai será possível conseguir fazer os investimentos corretos para manter seu estoque sempre abastecido com os melhores produtos do mercado para atender até as necessidades mais urgentes.

E você já conhece o nosso ebook especial sobre os 13 equipamentos que não podem faltar em sua obra? Nele, você vai encontrar dicas essenciais para garantir sucesso em seus próximos projetos. Baixe agora!

Compartilhar este post

Fique por dentro das nossas novidades. Assine nossa newsletter.